terça-feira, 1 de maio de 2012

O demônio do capítulo 25

Em todo processo de criação o último estágio é o mais perfeito, daí que as mulheres
sejam as criaturas - depois dos anjos - mais belas que Deus criou, vemos isso perfeitamente em Nossa Senhora, a mais bela das criaturas, que pela dignidade de ser Mãe de Deus foi elevada acima até dos anjos.

Mas esta reflexão é sobre um dos lados de um paradoxo quanto a dignidade feminina, podemos fazer uma analogia dizendo que por esta dignidade elas se assemelham aos anjos, as mulheres boas são angelicais, exemplos de virtudes e bondade, mas o problema está do outro lado do paradoxo, quando elas são más são como demônios. Daí vem o título do post, leia os versículos de 17 a 36 do capítulo 25 do livro do Eclesiástico, é uma descrição bíblica do comportamento da mulher que é má.

Mas se há tanta beleza, por que falar do lado ruim? Porque apesar de ser ruim, isto existe, e alertar contra um mal é um ato de caridade. Essas palavras que colocarei são coisas que todos com um olhar mais atento percebem, mas o que me levou a escrever essa reflexão e colocá-las num local público foi a minha indignação depois de saber da história de um rapaz* que já estava no seminário e quase teve sua vocação desviada por causa da sedução de um desses demônios.

Sedução, palavra maligna, a arma com a qual o Demônio tentou Adão e Eva, é mesma a arma que ele sempre usará, ele sempre contará uma mentira com traços de verdade para enganar. O homem por natureza irá atrair-se pela mulher, dessa verdade o Demônio encontrará formas de maquiar situações e fazer com que ele se afaste de Deus, e cada situação de um modo diferente.

Antes de prosseguir colocarei um ponto da personalidade masculina que sempre poderá ser usado pelo mesmo como força se direcionado pra Deus mas que pode se tornar uma fraqueza se ele estiver olhando somente pra si mesmo.

O maior exemplo de bondade que um homem tem - como a maioria das pessoas - é a sua mãe, e para nós católicos isso fica ainda mais evidenciado porque temos uma Mãe no Céu, então, seus maiores exemplos de bondade são mulheres, há uma espécie de pré-confiança no sexo feminino por causa de seu relacionamento com "as mães".
Quando ele consegue direcionar isto para Deus se torna mais forte perante as tentações, olhará antes para as mulheres virtuosas e sempre as tratará com respeito.

O perigo está quando ele olha só pra si mesmo, custa um pouco a mais "pra cair a ficha" e perceber que há maldade numa tal situação envolvendo uma mulher, ou ele faz de conta que não está vendo um problema que no fundo é aparente, pois isso acabaria com sua fonte de prazer, ele conta para si mesmo “as mulheres são boas logo esta não pode ser má”. Sei que isso pode até parecer uma paranoia, mas o Demônio usará qualquer coisa para desviar uma alma, até isso.

A primeira e mais clara tentação é aquela em que o homem é tentado a se envolver com uma mulher "do mundo", um envolvimento desses servirá para que o homem apague o si o restinho da chama que o atraía para as coisas de Deus, nós todos já vimos esse caso tantas vezes que nem é preciso tanta reflexão.

O segundo caso, que é até mais complicado, é quando acontece uma situação que a principio nem parece uma tentação, pois a primeira era claramente uma por se tratar de uma mulher de hábitos claramente mundanos, nesse outro caso a tentação não é tão latente pois trata-se daquele clássico caso das "santas-do-pau-oco". O demônio vai agir de formas diferentes pra cada pessoa, percebendo que não mais consegue tentar um homem com as mulheres do primeiro caso, por ele já estar fortalecido pra agüentar tal tentação, ele vai tentá-los com aquelas mulheres que tem um pé na Igreja e outro no mundo. Na verdade elas têm os dois pés no mundo, o que aparenta nelas ser devoção, é apenas aparência mesmo, nada mais que do que uma máscara, ela tem um olhar de santa pra fisgar e um de serpente pra matar.

Mais uma situação: Quando há no homem o desejo de viver para Deus e ele não quer se envolver com mulheres que vivam uma vida totalmente contrária a que ele quer, uma das piores tentações são os olhares vindos desse tipo de mulher, apesar do homem ter claramente em si o desejo de não se relacionar com ela virá um tipo de tentação diferente, que mexe com seu orgulho e o faz ficar soberbo, é a tentação de se achar especial, é como se ele pensasse: "olha, eu devo ser especial, tem uma mulher olhando pra mim", se o olhar do homem não estiver verdadeiramente direcionado pra Deus essas pequenas tentações são como pequenas marteladas usadas pelo demônio para que num momento oportuno ele ataque esse lugar já afetado pela soberba e faça um estrago maior.

Diz a Imitação de Cristo: “Pouco importa ao demônio que os pensamentos que propõe à alma sejam ou não verdadeiros, contanto que sirvam para enganá-la. [1]

Outro caso, podemos fazer uma analogia com esses programas televisivos sensacionalistas que só mostram tragédias, se você só assistir isso a toda hora vai achar que o mundo não tem mais jeito e que só existe maldade. Como relação ao assunto do post, e ainda mais nessa nossa sociedade liberal, o demônio tenta  mostrando os maus exemplos de comportamento de mulheres para que caiamos na tentação de que não há mulheres virtuosas, no fundo essa tentação dele tem como objetivo que nós desacreditemos de Deus, pois é no ser humano que vemos o reflexo da bondade de Deus, começar a achar que não existem pessoas boas é também duvidar da bondade de Deus.

As tentações de todo tipo sempre existirão enquanto estivermos vivos, seja de um modo, seja de outro, mesmo que haja uma grande resistência elas podem fazer sempre grandes estragos se não houver atenção. Fiquemos atentos, o demônio é o pai da mentira, sempre tentará usar a sedução para que tomemos atitudes que Deus não quer.

Uma pequena coisa, só pra completar, talvez pareça alguma revoltadinha (feminista assumida ou enrustida) aqui e leia este texto o chamando de anti-feminino, mas como deixei bem claro no começo, as mulheres são as mais belas criaturas de Deus e na maioria absoluta das vezes elas são os maiores exemplos de bondade para os homens, o texto só foi uma reflexão sobre aquelas que não souberam honrar a missão confiada a elas por Deus.

Então para terminar, como o título fala do capítulo 25 do Eclesiástico que mostra os maus exemplos, deixo um trecho da descrição da boa mulher que há no capítulo 26 do mesmo livro. Se há um demônio no 25, há um anjo de ternura no 26, Deus permite que aconteça um problema, mas logo a frente sempre mostra qual a solução.

Mulher sensata e silenciosa é dom do Senhor e nada é comparável à pessoa bem educada... Mulher santa e pudica é graça primorosa, e não há medida que determine o valor da alma casta. Como o sol que se levanta para o mundo nas alturas de Deus, assim o encanto da boa esposa na casa bem arrumada. Como a lâmpada que brilha sobre o candelabro sagrado, assim é a beleza do rosto num corpo bem plantado; colunas de ouro sobre bases de prata, assim as pernas graciosas sobre os pés seguros da mulher. Fundamentos eternos sobre rocha sólida, tais são os mandamentos de Deus no coração da mulher santa.” [2]

Que Nossa Senhora, a Mulher das mulheres, e São Miguel Arcanjo sempre nos protejam.



*Atualização em 07/02/2014 – Infelizmente o referido rapaz sucumbiu novamente às seduções daquela mulher e prejudicou sua vocação, peço a todos os leitores que rezem por sua alma e dessa moça.
 

Tiago Martins da Silva

Referências:
[1] Imitação de Cristo – Livro III, cap. XXX
[2] Eclesiástico 26, 18-24

4 comentários:

  1. Muito bom o texto, parabéns!
    Estou indicando para amigos homens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico contente por poder ter lhe ajudado, fique a vontade se quiser divulgar. Tudo para a maior Glória de Deus!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Marcos, ficamos feliz por ter lhe ajudado. Ajude-nos a divulgar o texto, pode ser auxilio para outras pessoas também. Fique com Deus, que Nossa Senhora sempre lhe guie.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...